Close

Os perigos do cheque especial

Compartilhar:

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

Os perigos do cheque especial

 

O cheque especial funciona como um empréstimo pré-aprovado na sua conta, que você pode usar a qualquer momento. E é justamente aí que mora o perigo dessa modalidade, por ser muito cômodo e prático, muita gente acaba usando sem conhecer de verdade aonde estão entrando.

Um ponto ainda obscuro sobre o cheque especial é que o valor do cheque especial de cada cliente muda conforme a avaliação que cada banco faz, ou seja, totalmente subjetiva.

 

O cheque especial tem os juros altíssimos

 

Os juros do cheque especial são muito caros, pois o banco cede essa modalidade de crédito sem exigir nenhuma garantia, ou seja, justificam a alta dos juros pelo risco que o banco está correndo em emprestar dinheiro sem qualquer garantia que irá receber de volta.

É o contrário do que acontece na contratação de um Empréstimo Pessoal, por exemplo, onde você precisa indicar uma garantia para o Banco, seja um carro, um apartamento, para que ele lhe conceda o empréstimo. Como o Banco possui garantia do recebimento, ainda que através de um possível processo judicial, ele oferece juros mais baixos e atrativos, justamente porque o risco agora é inverso ao do Cheque Especial, agora o risco é todo do contratante, que se não pagar, perde seu patrimônio.

O cheque especial é prático, mas como falamos, isso tem um custo, e alto. Muita gente comete o erro de fazer uso do cheque especial, como se fosse uma extensão da conta corrente, como se fosse um saldo que ele pudesse contar, sem maiores problemas.

 

Quanto maior o risco para o banco, maior a taxa de juros!

 

Apenas para ilustrar, o juros no empréstimo consignado chega à uma média de 42,8% ao ano, já os juros de cheque especial ultrapassam 327% ao ano, de acordo com levantamento do Banco Central. Assim, se você contrai uma dívida de R$ 500, em um ano ela passa de R$2.408,00. Em um ano, você terá que pagar além dos quinhentos reais que utilizou, praticamente dois mil reais só de juros.

Os juros do cheque especial ficam atrás apenas dos juros de cartão de crédito.

Se no dia da cobrança do cheque especial a sua conta não tiver saldo positivo suficiente para quitar, você irá arcar não só com os juros altíssimos, como também uma multa estipulada pelo banco.

 

Cheque especial é uma armadilha, não caia nela!

 

Para atrair os clientes, os bancos usam da estratégia dos números, te dizem que você possui um limite altíssimo de cheque especial, para sua maior comodidade, e que só será cobrado se usar.

Muita gente entende que o banco está querendo agradar, oferecendo um grande prêmio, mas na verdade, trata-se de um “Cavalo de Tróia”, que no primeiro momento parece ser muito bom, mas na verdade, é mais prejudicial para as suas finanças do que você imagina.

 

Precisa de ajuda? Procure quem pode te ajudar de verdade!

 

Conte conosco para fazer um empréstimo de até 30% do seu salário líquido, com taxas de juros entre 2,98% à 7,98% ao mês. Empréstimo é na Antecipe.